Tuesday, September 15, 2009

ele é um piloto

no sussurro da noite, quando você voltar, eu já terei ido. Vou rasgar todos os mapas e esquecer todos os planos. Vou apagar algumas velas coloridas no quintal num sopro silencioso. Vou me despedir do vigia noturno com um aceno. Sei que ele não vai entender. Mãe, eu vou atirar em mim mesmo. Para matar algo que já está morto há muito tempo. Sei que você nunca vai entender. Talvez seja toda essa terra em seus olhos. Sou meu próprio piloto. E preciso voar. Ainda assim, tenho certeza de que não quero entender. Não desista. Esse é o seu tempo.

2 comments:

Tiago said...

"toda essa terra em seus olhos". imagem foda. sonhe com a minha mãe essa noite. foda.

Marcita said...

uau! incrível!
senti nas entranhas.....