Wednesday, April 09, 2008

Estou arriado. Ando atarefado. Sinto que pifei esses dias. Como se minha barra de energia, tipo a dos fliperamas de lutinha, estivesse capenga, nas últimas. Passei uns dias entre o trampo e minha casa, me alimentando com comida de acampamento, trabalhando bastante e cuidando de um gato filho da puta que apareceu no domingo de madrugada miando na janela. O maldito dominou, no começo até achei que fosse uma fêmea, ainda não tenho certeza. Quando eu era criança havia muitos gatos na casa da minha mãe, só que sempre fui alérgico. Esse é filhote, vira-lata de olhos azuis e o pêlo branco com manchas cinza. O engraçado é o rabo dele, que tem a ponta quebrada, em formato de “ele”, por isso, coloquei o nome dele de Alicate. Faz uma zona do caralho e afia as unhas no braço do sofá. Daí, comprei sardinha, lavei um cinzeiro e o servi, ele comeu como um refugiado. Ontem eu estava prancheta, concentrado e um tanto cansado, quando o desgramado pulou em cima das folhas com as patas imundas de terra. Eu não achei a menor graça. Acho que nem ele, ou ela. Atirei o pau no gato. Na verdade um pincel. Errei. Ele correu pra fora, depois voltou com o rabo torto como se nada tivesse acontecido. Coloquei Magnolia Electric co. no som bem alto. Alicate ficou no sofá, parecia que revirava os olhos de prazer. Ri pra caralho. Esse gato é firmeza, gosta de música, não reclama nem faz cara de cu.

Hoje tem show do Bad Brains na Eazy. Eu queria muito assistir. Na realidade, hoje eu sairia de férias aqui do trampo, mas tenho algumas coisas para resolver, por isso ainda tenho que comparecer aqui esses dias. Outro motivo é o preço da porra do show: R$ 100,00 – isso que a banda ainda vem pela metade, sem o desgraçado do HR.

Mesmo assim, ainda quero bater pernas pela noite. Hoje meu carro chegou do conserto após um prejuízo bisonho na quinta, depois que saí do Mercearia. Eu fico ouriçado depois de ficar desmotorizado um tempo. Assim, pretendo assistir a banda Fábrica de Animais, no Bourbon Street, às 21hs30. Pelo menos, ali sei que a diversão é garantida por Fernanda e Cia.

1 comment:

amandabanffy said...

Um dia você deixa eu abraçar, beijar, apertar, morder, expremer e torturar o Alicate?